SOBRE ELEIÇÕES E A “POLÍTICA”

Se o homem indispensável franze a testa

Oscilam dois impérios.

Se o homem indispensável morre

O mundo olha em volta, como uma mãe sem leite para o filho.

Se o homem indispensável retornasse uma semana após a sua morte

Não se encontraria para ele, em todo o império, sequer uma vaga de porteiro.

(B. Brecht)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s