ENUNCIAÇÕES DAS PÁGINAS ÍNTIMAS DE FRANZ KAFKA

Do diário: 19 de fevereiro de 1911

“O género particular da inspiração na qual me encontro, eu o mais feliz ou o mais infeliz dos homens, no momento de me ir deitar pelas duas da manhã (ela manter-se-á talvez se suportar o pensamento, pois é superior a todas as precedentes) é que que posso tudo e não somente em vista de um trabalho determinado. Quando escrevo sem reflectir uma frase como: “Ele olhava pela janela”, esta frase é já perfeita”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s